sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Menino de 12 anos é estuprado por cinco adolescentes dentro de escola no interior da Bahia

escolas  Um menino de 12 anos foi estuprado por outros cinco garotos, com idades entre 11 e 14 anos, dentro da Escola Municipal Ivo Hering, que fica no Centro de Luis Eduardo Magalhães, no Extremo-Oeste da Bahia. O crime aconteceu na manhã da última segunda-feira (26), mas só foi divulgado pela polícia nesta sexta-feira (30).
O menino foi levado para o banheiro da escola, onde foi cercado pelos cinco garotos. De acordo com o Conselho Tutelar do município, um dos agressores ficou de vigia na porta do banheiro para evitar a entrada de outros estudantes.
“Ele tentou pedir socorro, mas um dos adolescentes tapou a boca da vítima com as mãos”, disse a conselheira Eugênia Vilanova. O menino foi agredido com socos em várias partes do corpo e estuprado. Logo após a agressão, o menino foi para casa, onde contou para a família sobre o ocorrido.
Na manhã de terça-feira (27), o menor retornou para a escola acompanhado da mãe. Depois de contar sobre o estupro, a diretoria da escola acionou o Conselho Tutelar, que ouviu o garoto e o encaminhou para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras para fazer exame de corpo de delito.
Segundo Eugênia Vilanova, o exame comprovou o estupro. “Como se trata de um caso emergencial, o laudo deve ficar pronto em uma semana. Mas o médico que atendeu a vítima constatou que havia lesões na região anal e confirmou o abuso”, explicou.
Troca de escola
Após o exame, o menino de 12 anos foi encaminhado para Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) do município, onde passou por uma avaliação psicológica. Ele seguirá recebendo o atendimento uma vez por semana. A família do garoto optou por tirar o menino da escola onde aconteceu o ataque e matriculá-lo em outra unidade escolar do município.
Os garotos apontados como agressores também foram acompanhados pelo Conselho Tutelar até a delegacia, onde foram ouvidos pelo delegado Ricardo Almeida Luz e liberados. Eles também estão recebendo o atendimento do Creas por conta do envolvimento em um ato infracional.
O delegado Ricardo Luz solicitou ao Ministério Público a internação de um dos garotos apontados pela vítima. “Ele seria o mentor da agressão e responsável pela penetração”, explicou a conselheira tutelar.
A prefeitura da cidade informou ao CORREIO que está acompanhado toda a situação, desde o princípio, através de assistentes sociais do Creas e do departamento pedagógico da Secretaria de Educação. Segundo a assessoria da gestão, as medidas cabíveis serão tomadas nas próximas semanas de acordo com o desenvolver do inquérito policial. A prefeitura não divulgou se os garotos responsáveis pela agressão continuam frequentando a escola. A Escola Municipal Ivo Hering oferece Ensino Fundamental para cerca de 700 alunos.
Portaldenoticias.net/Com informações do Correio24Horas (Foto: Google Street View)              http://www.portaldenoticias.net/
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

MOURA MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

MOURA MATERIAL DE CONSTRUÇÃO
mais de 20 mil em prêmios

radiopedravermelha.com

OUÇA NOSSA WEB RADIO

OUÇA NOSSA WEB RADIO

POSTO SANTA CRUZ

POSTO SANTA CRUZ
PEDRA VERMELHA

Miro Móveis

Miro Móveis

L N MODAS & ELOAH CONFECÇÕES

L N MODAS & ELOAH CONFECÇÕES
PEDRA VERMELHA

Chiquinho Sena

Chiquinho Sena
Fotos e filmagens

Link Net

Link Net

DS Eletrônica

DS Eletrônica

aqui pode ser o seu apio

aqui pode ser  o  seu apio

Brasileirão 2017 serie A

APOIO

APOIO

2

Seguidores

Total de visualizações